Since March 20, 2008

Olá pessoal! Estou com um canal no Youtube onde faço cover de músicas tocando bateria. Confiram clicando no link abaixo! Se gostarem, cliquem em gostei e não se esqueçam de se inscreverem! ;D

Hello folks! I have a Youtube channel where I do song covers playing drums. Check it out by clicking on the link below. Comment, like and don't forget to subscribe! ;D


Vitor Jambo's Youtube Channel


quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Mudanças no processo de imigração canadense após 28/11/2008

Olá!

Não sei se todos tiveram a oportunidade de conferir as mudanças que acorreram, na prática, no processo de abertura de imigração canadense (Skilled Worker) após 28 de Novembro de 2008.

Bom, nesse post, irei comentar de uma forma bem superficial sobre essas mudanças.
OBS.: Para maiores informações, baixar esse arquivo oficial (formato .pdf, caso não tenha o Adobe Reader, você poderá fazer o download aqui) e lê-lo cuidadosamente antes de aplicar pelo processo federal Skilled Worker.

Self-Assessment test

O "teste" (Self-Assessment test) que fazemos no site canadense (CIC), para ver se temos a pontuação necessária para aplicar por essa categoria (Skilled Worker), não teve sua pontuação alterada, o aplicante deverá ter uma nota igual ou superior a 67 pontos. Além disso, é preciso estar entre as 38 profissões (ver lista) solicitadas pelo governo canadense.

Aplicando pelo processo federal (Skilled Worker)

Para aplicar pelo processo federal canadense (Skilled Worker), os documentos agora deverão ser enviados diretamente para o CIU (Centralized Intake Unit) em Sydney, Nova Scotia - Canadá, e não mais para o consulado em São Paulo. Os documentos que deverão ser enviados estão listados abaixo.
  • Formulários preenchidos e assinados (Ver quais são mais abaixo);
  • 2 etiquetas com seu endereço (1 em inglês e outro em português);
  • 1 cópia da Bio-page do passaporte, a página que contém os dados como número do passaporte e data de validade (apenas do aplicante);
  • Comprovante de pagamento (original).
Após a pré-aprovação de Sydney, os documentos serão enviados para o consulado canadense em São Paulo para dar continuidade ao processo, onde o aplicante terá 120 dias (4 meses) para providenciar o restante da documentação, que serão solicitados dessa vez pelo consulado canadense em São Paulo.

OBS.: Caso não seja pré-aprovado em Sydney, a taxa de aplicação será ressarcida.

Os formulários que deverão ser preenchidos e enviados para Sydney são:

  • Application for Permanent Residence in Canada (IMM 0008 – Generic);
  • Schedule 1: Background / Declaration (IMM 0008 – Schedule 1);
  • Schedule 3: Economic Class – Federal Skilled Worker (IMM 0008 – Schedule 3);
  • Additional Family Information (IMM 5406);
  • Use of a Representative (IMM 5476), caso você contrate uma empresa para resolver seu processo.

OBS.: Para fazer o download dos formulários clique aqui.

Proposta de emprego

Caso tenha arranjado um emprego no Canadá, deverá ser enviado os formulários e documentos especificados no “Appendix A” para o consulado do pais onde reside. Verificar este link.

Estudante internacional e Trabalhador temporário

Se você é um estudante internacional ou um trabalhador temporário que está morando legalmente por pelo menos 12 meses no Canadá e quer aplicar por essa categoria (Skilled Worker), deverá providenciar os seguintes documentos.

Estudante internacional:

  • 1 cópia do visto de estudante ou outro documento que comprove seu vínculo com a instituição de ensino.
Trabalhador temporário:

  • 1 cópia do visto de trabalho;
  • 1 carta do empregador;
  • Ou outro documento que comprove seu vínculo com a empresa.
OBS.:
  • Enviar os formulários especificados no “Appendix A” para o escritório de vistos canadenses em Buffalo, Estados Unidos. Para mais detalhes acessar esse link.
  • Se faltar algum documento ou se a cópia não estiver legível, sua aplicação poderá ser devolvida.
Taxa de abertura:

O valor da taxa para a abertura do processo também não sofreu alteração, mas alguns conceitos quanto as classes abaixo foram alterados:

  • Aplicante = 550,00 dólares canadenses;
  • Esposa(o) = 550,00 dólares canadenses;
  • Pessoas igual ou menores de 22 anos que são casadas = 550,00 dólares canadenses.
  • Pessoas menores que 22 anos que não são casadas = 150,00 dólares canadenses.
Após a conclusão do processo, será preciso pagar uma taxa para a emissão do visto de residente permanente, que também não sofreu alteração no valor.

  • Aplicante = 490,00 dólares canadenses;
  • Esposa(o) = 490,00 dólares canadenses;
  • Crianças (dependentes) são isentas dessa taxa.
As taxas poderão ser pagas através de Certified cheque, Bank draft ou Money order, para Receiver General for Canada (Não traduzi os termos de pagamentos por não conhecê-los).
Prova de fundos

O governo canadense, não dá suporte ao imigrante recém chegado ao Canadá, por isso, ele obriga o imigrante a levar uma quantia, em dinheiro, que varia de acordo com o número de membros na família, que possa mantê-los pelos seis primeiros meses.

Os valores (por número de pessoas) continuam os mesmos, mas é sempre bom conferir se houve alterações nos valores. Ver tabela.

Envio

Para enviar, colocar a documentação (formulários, documentos e comprovante de pagamento) em um envelope de 23 cm x 30.5 cm (9” x 12”), como mostra a figura abaixo.

Para saber o endereço de envio consultar sua situação abaixo:

Se você está entre as 38 profissões solicitadas, enviar para:

Citizenship & Immigration Canada
Federal Skilled Worker
Centralized Intake Unit PO BOX 7500 Sydney, NS B1P 0A9
Canada

Se você recebeu uma proposta de emprego, enviar para: acesse esse link para visualizar.

Se você for um estudante internacional ou um trabalhador temporário, enviar para: acesse o link para visualizar.

Por fim, não esquecer de assinar todos os formulários e tirar uma cópia de todos os documentos para você antes de enviar.

Abraços a todos,

Vitor

11 comentários:

Leila e Júnior disse...

Oi, Vitor e Sara!

Belo post!!! Tudo explicadinho...rss. Vou aproveitá-lo na hora de iniciarmos o nosso processo. Como estão os estudos para o IELTS?

Beijos pra vcs,
Leila e Júnior

Sandro e Família disse...

Meu amigo Vitor,

Fico muito feliz com a qualidade de mais um post completo sobre um assunto tão complicado.

Quando crescer quero escrever igualzinho....rssss !!!

Parabéns.

Abração

Neuzinha disse...

Oi Vítor e Sara,

Parabéns pela dedicação em fazer excelentes pesquisas e principalmente pela alegria e disposição em compartilhar com outras pessoas.
Que Deus continue acrescentando muita sabedoria a sua vida.
Abração, Neuzinha

Temperatura Máxima no Canadá disse...

Oi Vitor, tudo bem?

Muito bom vc ter traduzido e resumido esse monte de informações. Vai ajudar muita gente... Parabéns!
Já li e rê-li essas informações, várias vezes e muitas vezes me pego pensando: "será que se eu enviar a papelado de novo não sairia mais rápido esse pedido de documentos?"... Porque agora parece que está tão simples, envia-se a papelada para o Canadá eles devolvem e logo vem o pedido dos documentos e ponto..rs É, mas no fundo esse pensamento é só ilusão (tipo uma miragem de quem está com sede de imigrar)...hehehe
Por falar em envio de processo, vi que vc e Sara se casaram 22/09, por pouco meu processo não festeja as bodas com vcs. Ele foi aberto dia 23/09...hehehe Por falar nisso vcs completam 4 meses hoje e nosso processo amanhã...
Parabéns!!!

Um forte abraço,

Rosi

Igor Schultz disse...

Caros Vitor e Sara

Um trabalho digno de um funcionário do consulado. Ou diria ainda: melhor que o de um funcionário, pois lá eles não têm nos dado muitas informações... Fiquei feliz em ler este post, pois acabamos de enviar a documentação e me parece que está de acordo com o que você escreveu.

A minha impressão é que, para o Skilled Worker, os caras estão evitando que a gente tenha muito trabalho: eles querem dar uma olhada prévia antes e então nos avisam se a gente vai ou não ter chance de entrar. Se tivermos, enviamos os formulários.

Isso pode querer dizer pelo menos uma coisa: que estão querendo acelerar o processo, despachando de antemão aqueles que não têm mesmo condições antes que enviem a documentação.

Por favor, vocês poderiam dar uma bisoiada no nosso blog e "validar" a documentação que enviamos?

Um grande abraço e a Paz
Igor Schultz
"Nos vemos no Canadá"

Travels disse...

Boa Noite!!

Muito obrigada pelas informações, tão bem explicadinho, valeu!!

Deus abençoe e sucessos na empreitada.

Nê & Lelê disse...

Oie!!

Ficou bem legal a maneira q vc expôs no blog, principalmente para pessoas que ainda não enviaram a documentação (como euzinha.. rsrs). Bem esclarecedor!! Thanks!!

Carolina disse...

Oi Vitor,

Depois que falei com vc no msn é que vi seu post....vou conferir as mudanças.

P.S. Manda um beijão pra Sarinha.

Carol.

teacher disse...

Bom dia!

Sou Alessandra. Eu e meu esposo vamos dar entrada no proc. federal assim que nossos novos passaportes chegarem.

Gostaria de agradecer a iniciativa de criar um blog que esclarecesse tantas dúvidas que nós tínhamos.

Porém, ainda resta uma (rs): quando formos solicitados a enviar os docs., gostaria de saber se todos os docs. tem que ser originais... por exemplo, p/ comprovar escolaridade precisa do histórico e certificado de conclusão do 1 grau (de 1000 anos a.C. (rs)) original ou apenas nosso diploma da facu (recente)?

É preciso levar cart. de trabalho e também a carta atual (declaração original) da empresa (ou cópia da época ou só carteira serve?). Pois, se for tudo original vou demorar um tempão p/ conseguir (só tenho cópias antigas) e terei só protocolo de solicitação dos originais quando a imigração pedir os docs. Tks pela ajuda!!! Feliz Páscoa!!!
Meu e-mail é teacherale@gmail.com

Anônimo disse...

Boa noite, Sara e Vitor!

Muito obrigada pelas informações!
Gostaria de compartilhar um pouco de minha história e da dificuldade que estou enfrentando p/ conseguir a documentação (ainda não dei entrada no processo, mas acho importante já ter as comprovações de estudo e de trabalho, já que demora muito p/ consegui-las).
Fui prof. de inglês por + de 6 anos em várias escolas de idiomas. O grande problema é que em 99% delas eu não era registrada (vcs, como brasileiros, bem sabem que emprego c/ carteira assinada, ainda + p/ prof., é muito difícil) e quando fui pedir a carta atualizada como o Consulado pede, imaginem qual foi a resposta... NÃO!!!! Eles morrem de medo de serem processados por não terem me registrado ou talvez medo que eu possa processá-los ou algo parecido... Possuo documentos como recibos de pagamento, contratos de trabalho, nada muito além disso. Confesso que não sei o que fazer... não queria ver o meu sonho de viver no Canadá desaparecer...estou preocupada...sou recém casada e planejávamos ter um filho lá pq aqui jamais conseguiríamos oferecer uma boa educação. Tenho um cunhado que é advogado e que está desempregado há dois anos... eu vejo o sacrifício dele p/ criar seu filho... não quero que isso aconteça comigo.
Desculpem-me pelo desabafo. Fico lendo a história de vcs e de tantos outros casais e espero que consiga "um lugar ao Sol" (como vcs dizem) no Canadá.
Alessandra - teacherale@gmail.com

Fernanda disse...

Oi Vitor e Sara!

Parabéns (atrasado) pelo post. Está tudo muito bem explicado!!! Eu fiz o processo por Quebec, pois pretendo ir para Montreal. Mas tenho uma amiga que pretende iniciar o processo federal, então estou "vasculhando" tudo quanto é blog para poder ajudá-la a ir para lá.

Parabéns pelo blog e sucesso no processo de imigração!

Fernanda